Digite sua busca

post

3 elementos para entender a série Dark

3 elementos para entender a série Dark

Você já deve ter visto ou escutado falar sobre Dark, série original da Netflix que tem como tema central a viagem no tempo, onde pessoas desaparecem em 2019 e podem ser enviadas para o passado ou o futuro, formando uma complexa conexão entre as gerações de quatro famílias. 

Mais do que fruto da imaginação dos roteiristas, a série foi baseada em conceitos da Física, como a Teoria da Relatividade e o Buraco de Minhoca.

A Teoria da Relatividade, foi publicada por Albert Einstein em 1915 e postula que o espaço e o tempo estão relativamente ligados, sendo diferentes dimensões de uma entidade única, que é percebido de maneira diferente por cada um de nós. Com esse conceito, abandona-se a ideia clássica de que o espaço é um local onde coisas acontecem e que avançam do passado para o futuro, mas a totalidade de todos os seus pontos e dos instantes de tempo, tendo a realidade várias dimensões.

Se passado, presente e futuro coexistem, seria possível acessá-los? Sim, segundo Albert Einstein e Nathan Rosen, o espaço-tempo é maleável e pode ser deformado, permitindo os cientistas conceber os chamados buracos de minhocas, atalhos que permitem viajar através do tempo, igual acontece na série.

Diferente de Dark, a viagem no tempo ainda não é possível, pois para viajar entre os tempos seria necessário acelerar um ser humano perto da velocidade da luz ou orbitar próximo a um buraco negro, o que não é nada fácil. E por isso, os buracos de minhoca e realidades paralelas apenas são especulações teóricas. E é aí, que entra a parte da imaginação dos roteiristas!

Fonte
PEREIRA, Isadora Noronha. Einstein, Hawking e Netflix: A ciência presente na série Dark. Disponível em: CLIQUE AQUI. Acessado em: 26 de junho de 2020.
PRADO, Ana. Explicamos toda a ciência que você ficou sem entender em Dark. Disponível em: CLIQUE AQUI. Acessado em: 26 de junho de 2020.
BBC News Mundo. Dark: 8 perguntas sobre a ciência por trás da série alemã. Disponível em: CLIQUE AQUI. Acessado em: 27 de junho de 2020.
Natasha Pinelli. Já é possível viajar no tempo? Disponível em: CLIQUE AQUI. Acessado em: 27 de junho de 2020.

Deixe uma resposta

Seu e-mail e ocupação não serão publicados